Professor do Imes lança novo livro na área da Sociologia

O professor do Imes Edison Bariani Junior lançou, no último dia 13, seu novo livro, “O labirinto de Dédalos – A ideia de mundo como horizonte da existência humana”. A obra tem 154 páginas e saiu pela editora CRV.
O tema envolve concepções de mundo no pensamento ocidental, bem como traz a tentativa de definição dessa importante ideia e distingui-la tanto de um pretenso conceito de mundo quanto da ideia e/ou conceito de sociedade. “O livro começou como um capítulo inicial das minhas investigações sobre uma epistemologia da sociologia, mas se rebelou e ganhou vida própria, tornando-se um livro. Não é um livro de filosofia, mas de sociologia, que discute questões como ‘O que é o mundo e como ele se constitui’, ‘Se é possível conhecê-lo e por quais meios’? Estes e outros pontos permeiam as inquietações deste livro, que rastreia certa tradição do pensamento ocidental na ânsia de apreender o significado do lócus da existência humana e suas implicações na compreensão da vida. A ideia – e não o conceito – de mundo estaria assim imbricada à vida (tanto individual quanto coletiva) e às correspondentes visões de mundo, cuja influência afeta a concepção racional dos homens a respeito da sua existência localizada. Entretanto, seria a vida e o mundo passíveis de um aprisionamento conceitual pela ciência? Podemos conhecer racionalmente a vida? O mundo pode ser cientificamente explicado? Pode a ciência nos dizer como viver?”, comentou o professor Edison Bariani.
O livro demorou três anos para ficar pronto. Segundo Bariani, ele contribui para a sociologia contemporânea no sentido de que retoma a teoria sociológica a partir da filosofia e separa a ideia de mundo do conceito de sociedade. “Demarca, assim, o social do histórico e filosófico, legando à sociologia a precisão de seu objeto, que é a sociedade e o social em particular, e não o mundo”, finalizou.
Doutor e pós-doutor em Sociologia, Bariani é autor dos livros “Administração pública no Brasil: breve história política” (com Christina W. Andrews), “A sociologia no Brasil: uma batalha, duas trajetórias (Florestan Fernandes e Guerreiro Ramos)”, “Guerreiro Ramos e a redenção sociológica: capitalismo e sociologia no Brasil”, “Uma sociologia abortada: Tobias Barreto e a crítica da sociologia no Brasil” e “A sociedade como ficção: romance e interpretação social no Brasil do século XIX”.
“O labirinto de Dédalos – A ideia de mundo como horizonte da existência humana” já está à venda pelo site da editora, por meio do link https://editoracrv.com.br/produtos/detalhes/33511-o-labirinto-de-dedalos-bra-ideia-de-mundo-como-horizonte-da-existencia-humana

Dedalos

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s